Redes sociais para advogados: saiba como construir sua marca e fazer negócios

Neste post, você vai entender mais sobre redes sociais para advogados e saberá como utiliza-la a seu favor.

É possível que você, como advogado, já tenha interagido com várias pessoas por meio das redes sociais. Mas será que você já as usou da maneira certa — isso é, aproveitando todo seu potencial para alavancar seu escritório e seus negócios? Se a resposta for não, é hora de conhecer o marketing jurídico.

Além das regras do Código de Ética da OAB, alguns problemas impedem que os advogados explorem o ambiente on-line, como o medo do desconhecido. No entanto, não há com o que se preocupar. Neste post, você vai entender mais sobre o assunto e poderá aproveitar as redes sociais para advogados ao máximo! Continue lendo.

O que é marketing jurídico?

Você sabia que, todos os dias, o brasileiro tende a gastar horas a fio na internet? Esse é apenas um dos motivos pelos quais é extremamente recomendado que os profissionais de Direito entendam tudo sobre o uso das redes sociais para advogados. Essa é apenas uma das muitas ferramentas contidas no marketing jurídico.

O marketing digital voltado para a área jurídica consiste em um conjunto de estratégias. Ao serem aplicadas nas redes sociais, elas visam a fortalecer a marca dos advogados e profissionais dessa área. Além disso, elas melhoram a maneira de fazer negócios e aumentam a visibilidade, porém, para aproveitar os benefícios dessa opção, é preciso estar atento a algumas restrições.

Quais as limitações do marketing jurídico?

As redes sociais são perfeitas para que os profissionais de Direito realizem uma série de atividades, como:

  • publicar notícias sobre o universo jurídico;
  • captar clientes de forma indireta;
  • falar sobre seu negócio com discrição;
  • informar seu público sobre seus direitos;
  • publicar artigos e muito mais.

No entanto, é preciso saber o que é proibido fazer nesse momento, evitando problemas na imagem do profissional. As principais restrições são:

  • falar sobre temas que comprometam a dignidade da OAB e de outros advogados;
  • insinuar-se para declarações públicas ou reportagens;
  • oferecer atendimentos gratuitos;
  • abordar assuntos sob patrocínio de terceiros da mesma área;
  • divulgar listas de clientes.

Ao evitar esses pontos, o advogado está livre para fazer uso dessa ferramenta moderna conforme desejar. Inclusive, vamos trazer algumas soluções que podem deixar claras as vantagens de uso das redes sociais. Confira!

Como usar as redes sociais para advogados?

As formas de se comunicar dos consumidores da atualidade mudaram. Ao buscarem médicos, advogados ou, até mesmo, serviços de delivery, é muito comum que eles recorram às redes sociais antes de escolher um profissional. Esse é apenas um dos motivos pelos quais estar presente on-line é fundamental. Conheça mais motivos abaixo.

Fazer negócios

Relacionar-se com outros profissionais on-line pode ser uma excelente ideia. As redes sociais são espaços abertos para negociar e conhecer novas oportunidades. Elas podem atuar, inclusive, como o primeiro contato entre duas partes. Seja com clientes, seja com outras empresas, as redes podem levar a relacionamentos profissionais ainda mais profundos.

Demonstrar habilidades

Seus diferenciais precisam estar claros para seu público. Soluções de marketing digital para redes sociais para advogados podem fazer toda a diferença nesse momento, como:

  • produção de conteúdo, que será compartilhado em seu Facebook, por exemplo. Ela ajudará seu público a conhecer suas habilidades;
  • aplicação de SEO, que faz com que você apareça entre as primeiras opções do Google e receba mais cliques;
  • e-mail marketing, que constrói, objetivamente e por e-mail, relacionamentos com o seu público;
  • construção de um site profissional, que eleva a sua autoridade perante os clientes e muito mais!

Construir sua marca

Prestar excelentes serviços não significa nada se as pessoas não souberem disso. Sendo assim além de divulgar sua marca e seu escritório, é possível construir sua imagem nas redes sociais. Nelas, seus clientes podem saber como você se comunica, o que faz, onde encontrá-lo e muito mais.

Portanto, percebe como há muito a fazer nas redes sociais para advogados? Você também pode conversar com seu público, ouvir seus feedbacks e aprimorar, cada dia mais, os seus serviços. Além disso, você pode usar comentários e pesquisas para conhecer mais as necessidades de seus clientes. Por que não investir nessa ideia?

Se você gostou de conhecer ferramentas on-line que impulsionam seus resultados como profissional, não deixe de receber ainda mais dicas em seu e-mail. Assine nossa newsletter!

Sandro Herek

  • Executivo e Empreendedor com quase 30 anos de experiencia em Soluções para Internet, Marketing Online e Offline.
  • Fundador da LinkWell em 1992
  • Fundador do primeiro guia de Buscas do Brasil – GuiaWEB em 1995
  • Fundador da Media Virtual, empresa dedicada a comercializar anuncios na internet em 1997
  • Fundador da primeira Franquia de Soluções para Internet em 2006.
  • Fundador da Virtualnet, empresa americana especializada em marketing em 2015
  • Co-Fundador da Doctorscopic, empresa americana especializada na indústria médica em 2016
  • Fundador da BPO LIST, empresa de gestão de Business Process Outsourcing em 2017