Entenda como fazer uma análise SWOT para o seu negócio

O conceito da análise SWOT gira em torno de usar uma matriz para identificar as suas forças, fraquezas, oportunidades e ameaças.

A análise SWOT é uma forma de desenvolver o seu planejamento estratégico ao saber mais a respeito do cenário em que a sua empresa está inserida.

Você, certamente, não duvida de que o autoconhecimento é fundamental para o sucesso. No entanto, sabia que isso também se aplica à sua empresa? Então o caminho para entendê-la de verdade é saber como fazer uma análise SWOT.

O conceito da análise SWOT gira em torno de usar uma matriz para identificar as suas forças, fraquezas, oportunidades e ameaças. Portanto a partir disso, torna-se possível enxergar os caminhos que as suas estratégias devem seguir para alcançar os resultados que você deseja.

Neste artigo, você entenderá melhor o que é uma análise SWOT e como elaborar essa ferramenta para o seu negócio. Confira!

Mesa de escritório com vários objetos, documentos, gráficos e um notebook.
A analise Swot é determinante para estabelecer metas, objetivos e ações para seu posicionamento.

O que é uma análise SWOT?

A análise SWOT é uma forma de desenvolver o seu planejamento estratégico ao saber mais a respeito do cenário em que a sua empresa está inserida. Então isso é determinante para você estabelecer metas, objetivos e ações e até rever o seu posicionamento.

Em português a matriz também é conhecida como “FOFA”, em virtude das iniciais de Cada elemento apresentado, conforme veremos a seguir, já que a matriz se divide em quatro partes, conforme abaixo:

1 – Forças/Strengths (S)

Referem-se ao que torna a sua empresa melhor do que as concorrentes. Aquilo que ela faz bem e gera reconhecimento representa seu diferencial.

Por exemplo, uma escola particular pode ter como força o uso de uma metodologia de ensino que é referência em aprovações nos vestibulares. Ex.: qualidade do produto oferecido, bom serviço prestado ao cliente, solidez financeira, etc

2 – Fraquezas/Weaknesses (W)

Esse ponto está relacionado a características que desfavorecem a sua empresa perante os concorrentes. São problemas que jogam contra o seu sucesso e podem prejudicar suas forças.

Ainda seguindo o exemplo anterior, uma das fraquezas da escola pode ser o nome ainda pouco reconhecido no mercado de pedagogia. Ex.: altos custos de produção, má imagem, instalações desadequadas, marca fraca, etc.;

3 – Oportunidades/Opportunities (O)

São características do cenário da sua empresa que podem ser usadas para a vantagem dela, geralmente ligadas a algum fator externo.

Dando continuidade ao exemplo anterior, é o caso da escola em questão já estar com sua metodologia atualizada em relação a mudanças previstas pelo Ministério da Educação. Ex.: mudanças nos gostos dos clientes, falência de empresa concorrente, etc.;

4 – Ameaças/Threats (T)

Esse ponto se refere a condições que podem criar uma situação desfavorável à sua empresa a partir de fatores externos. Ex.: novos competidores, perda de trabalhadores fundamentais, etc.

Ainda falando da mesma escola, portanto pense no caso de uma instituição de renome inaugurar uma franquia próxima a ela.

Conversa entre duas mulheres.
A análise Swot ajuda sua empresa a saber como está sua real situação.

Como fazer uma análise SWOT?

A matriz SWOT foi criada para, principalmente, servir como um modelo de uso fácil a fim de enxergar a real situação da sua empresa e, assim, possibilitar a elaboração de uma estratégia eficaz.

Também é necessário entender as relações entre as partes da matriz SWOT:

  • Quais forças da sua empresa ativam quais oportunidades?
  • Que forças da sua empresa neutralizam quais ameaças?
  • Quais fraquezas da sua empresa prejudicam quais oportunidades?
  • Que fraquezas da sua empresa contribuem para quais ameaças?

Então, a partir das respostas a essas perguntas, você poderá encontrar os caminhos mais vantajosos a seguir com a sua estratégia levando em conta as melhores oportunidades e a minimização do risco de ameaças.

Saber como fazer uma análise SWOT é fundamental para a sua empresa ser bem-sucedida, já que possibilita um conhecimento aprofundado a respeito da situação dela e de oportunidades vantajosas no mercado. Nunca deixe de ter um olhar estratégico voltado para a sua atuação, já que trabalhar ao acaso dificilmente traz bons resultados.

O que é e como fazer uma análise Swot Cruzada?

Assim, como já falamos anteriormente, a análise swot cruzada consiste em cruzar as informações dos quatro quadrantes, de forma a obter um moldura que permita delinear estratégias importantes para o futuro da empresa/instituição. Sendo que para isso são utilizados os quadrantes similares, o que em suma, pode resultar em uma experiência mais fiel do ambiente em que a empresa está inserida.

Contudo, aara a análise SWOT Cruzada é preciso primeiro fazer uma análise clara do ambiente, ou seja, pesquisar profundamente as forças e fraquezas e saber identificar as oportunidades e ameaças. Para cada cruzamento é importante saber criar objetivos/estratégias:

  • Pontos fortes x Oportunidades: estratégia ofensiva / desenvolvimento das vantagens competitivas.
  • Pontos fortes x Ameaças: estratégia de confronto para modificação do ambiente a favor da empresa.
  • Pontos fracos x Oportunidades: estratégia de reforço para poder aproveitar melhor as oportunidades.
  • Pontos fracos x Ameaças: estratégia defensiva com possíveis modificações profundas para proteger a empresa.

Sendo assim, é possível avaliar o ambiente como um todo e verificar as possibilidades mais eficientes para o seu negócio. Verificando quais os pontos fortes que devem ser explorados e quais os pontos que precisam de atenção.

Quais os benefícios da matriz Swot?

Como é possível perceber uma ferramenta tão poderosa e estratégica como a Matriz Swot com certeza trará muitos benefícios para o seu negócio, dentre eles podemos elencar:

  • Identificação da posição estratégica do negócio;
  • Melhora dos serviços e produtos;
  • Insigths para solução de problemas;
  • Oportunidades para novos produtos;
  • Tomada de decisão estratégica;
  • Priorização de ações;
  • Promoção de parcerias;
  • Analise das estratégias realizadas.

Assim, agora você já sabe a importância desta ferramenta para o seu negócio e quais os benefícios que ela pode trazer para você. Então, chegou a hora de aplicar, não perca tempo, reúna sua equipe e comece hoje mesmo a traçar as estratégias para o seu negócio.

Enfim, o nosso conteúdo foi útil? Então, conheça mais estratégias para alavancar o seu sucesso. Veja, aqui no blog, como encantar o seu cliente ao focar a customer experience. Se quiser contribuir com nosso material aproveite para deixar seu comentário ou entre em contato conosco.

Imagens: Desktop, conversa.

Sandro Herek

  • Executivo e Empreendedor com quase 30 anos de experiencia em Soluções para Internet, Marketing Online e Offline.
  • Fundador da LinkWell em 1992
  • Fundador do primeiro guia de Buscas do Brasil – GuiaWEB em 1995
  • Fundador da Media Virtual, empresa dedicada a comercializar anuncios na internet em 1997
  • Fundador da primeira Franquia de Soluções para Internet em 2006.
  • Fundador da Virtualnet, empresa americana especializada em marketing em 2015
  • Co-Fundador da Doctorscopic, empresa americana especializada na indústria médica em 2016
  • Fundador da BPO LIST, empresa de gestão de Business Process Outsourcing em 2017