Entenda o que é Storytelling e como incluí-lo em sua estratégia

Você sabe o que é storytelling? É a arte de contar uma história. Aprenda tudo sobre estes formato de conteudo diferenciado.

Storytelling é a arte de contar historias, através de técnicas inspiradas em roteiristas e escritores para transmitir uma mensagem específica e se conectar emocionalmente com os leitores.

Sabe qual é o significado de storytelling? Essa prática tem sido cada vez mais comum nas estratégias de marketing (seja na modalidade digital, seja na modalidade off-line) das companhias. Isso porque o desenvolvimento de um serviço ou de um produto de alto nível, isolado, geralmente não é o suficiente para as empresas obterem sucesso no mercado. 

Nesse contexto, a criação de uma imagem positiva da marca ajuda também as organizações a ganharem mais espaço no mercado, a aumentar a cartela de consumidores e, consequentemente, a vender mais.

Uma das práticas que ajudam no desenvolvimento dessa imagem positiva é justamente o storytelling. Pensando na importância desse tema, neste artigo, explicaremos detalhadamente sobre o que é storytelling. Destacaremos a importância de implementar essa prática na sua empresa e forneceremos dicas que ajudarão a sua organização a contar histórias cativantes ao seu público. Continue lendo!

Conversa entre quatro pessoas, uma está apontando para algo em uma folha.
O Storytelling é uma forma de se comunicar com a audiência.

O que é storytelling?

Esse conceito faz referência à capacidade de comunicar uma ideia usando palavras ou recursos visuais e de transmitir pensamentos e fatos utilizando-se de uma narrativa fluida, coesa e relevante para o público. Dessa maneira, podemos resumir essa prática em uma frase: o storytelling é a arte de contar uma história.

Qual é a importância dessa prática? 

O storytelling apresenta vários benefícios para as empresas. O primeiro deles é que as organizações que conseguem contar boas histórias ao público criam uma imagem positiva da marca para os clientes. Ou seja, a empresa passa a ser lembrada de forma positiva. Muito bom isso, não é mesmo?

Além disso, as companhias ainda constroem um melhor relacionamento com os consumidores, fornecedores e colaboradores. Todas essas questões, somadas, ajudam as empresas a manterem o quadro de pessoal mais empenhado e, consequentemente, otimizam os resultados das vendas.

Vale ressaltar, ainda, que, na maioria das vezes, os indivíduos têm mais facilidade de recordar histórias do que dados. Nesse contexto, o storytelling é uma das principais práticas que ajudam as empresas a humanizarem o produto ou serviço. Aproximando a marca dos clientes. Portanto, o quanto antes a sua empresa dominar a arte de contar boas histórias, melhores serão os resultados para a sua organização.

Conversa entre dois homens sobre Storytelling.
Suas histórias precisam estar em sintonia com o seu público.

Quais os elementos principais do Storytelling?

Em geral o Storytelling é composto por quatro elementos principais, que podem variar dependendo do enfoque que a sua história terá. São eles:

  1. Mensagem: A história e a mensagem que será transmitida e como ela será apresentada;
  2. Ambiente: Lugar onde os eventos acontecem;
  3. Personagem: É quem passa por toda a jornada, passa pelo conflito e chega no final da história;
  4. Conflito: É o desafio imposto ao personagem para motivá-lo a percorrer toda a jornada. Também é ele que ajuda na transformação do personagem durante a história.

Assim, sua história precisa passar por esses elementos básicos para conseguir conquistar a audiência proposta. Mas é importante ressaltar que não existe formula mágica, então vale a pena testar e verificar as melhores estratégias para o seu negócio.

Como aplicar o storytelling na sua empresa?

O primeiro aspecto a ser pensado antes de contar histórias é o conhecimento do público do seu negócio. Isso pode parecer trabalhoso, mas será fundamental para a sua empresa se destacar no storytelling. Nesse momento, é importante considerar algumas características. Como idade, gênero, hábitos de consumo, problemas cotidianos, questões sociais (família, grupos de influência), psicológicas (percepção, crenças, entre outros) etc.

Após pesquisar esses dados, chega o momento de pensar como o seu produto ou serviço será útil e ajudará as pessoas. A partir disso, será possível contar histórias que estejam em conformidade com os interesses do público e, assim, ter mais sucesso na sua oferta.

Além disso, também é fundamental saber divulgar o que a marca tem de única e especial no mercado. Ou seja, aquilo que ela tem de diferente em relação à concorrência. Dessa forma, será mais fácil para os clientes criarem uma imagem única e positiva em relação ao seu negócio.

Storytelling – Que história contar?

Contar histórias parece simples, no entanto é necessário que a sua audiência se conecte emocionalmente com aquilo que você está comunicando. Assim suas histórias precisam ser verdadeiras e cativantes.

Veja alguns exemplos de histórias que você pode contar através do Storytelling:

  • Histórias que levam o público em uma jornada: Lembre-se que você não é uma enciclopédia, então aposte em textos fluidos que tenham começo, meio e fim e tenham boa skaneabilidade, assim suas chances são maiores. Uma boa história desperta o interesse e faz com que o seu público se identifique com ela.
  • Histórias que despertam emoções: Para se conectar afetivamente com o seu público, suas histórias precisam gerar comoção. Então, faça com que o leitor se sinta no lugar do personagem.
  • Use o enredo para seduzir: A história da humanidade é contada desde o início dos tempos, assim utilizar contextos conhecidos e atraentes e uma boa forma de fazer com que sua história conquiste o público.
  • Aposte em elementos inusitados: Você já parou para pensar nas melhores histórias que já leu ou mesmo assistiu? Sempre existe um elemento surpresa não é mesmo? Pode ser um conflito inesperado, ou uma mudança de rumo no enredo. Essas são excelentes formas de conseguir a atenção do leitor.

O storytelling é uma estratégia inovadora e, por isso, pode proporcionar excelentes resultados às companhias. Essa prática ajuda as pessoas a criarem uma imagem positiva em relação à sua empresa. O que favorece o aumento do número de vendas.

Considerando essas características, vale muito a pena investir na tarefa de contar boas histórias. Seja nos conteúdos do blog, seja nas redes sociais, seja nas cartas de venda. Esse é um recurso muito versátil que pode lhe ajuda a se conectar facilmente com o seu público.

Enfim, você gostou deste post sobre o storytelling? Então curta a nossa página no Facebook e receba mais conteúdos sobre esse assunto em primeira mão.

Imagens: Reunião, conversa.

Sandro Herek

  • Executivo e Empreendedor com quase 30 anos de experiencia em Soluções para Internet, Marketing Online e Offline.
  • Fundador da LinkWell em 1992
  • Fundador do primeiro guia de Buscas do Brasil – GuiaWEB em 1995
  • Fundador da Media Virtual, empresa dedicada a comercializar anuncios na internet em 1997
  • Fundador da primeira Franquia de Soluções para Internet em 2006.
  • Fundador da Virtualnet, empresa americana especializada em marketing em 2015
  • Co-Fundador da Doctorscopic, empresa americana especializada na indústria médica em 2016
  • Fundador da BPO LIST, empresa de gestão de Business Process Outsourcing em 2017