ROI: seus investimentos em marketing digital estão valendo a pena?

Investir em marketing digital é uma missão que demanda várias habilidades e estratégias diferenciadas. Uma delas é conseguir analisar claramente se os seus investimentos estão valendo a pena e trazendo os retornos desejados. Nessa análise, uma das métricas mais poderosas é o ROI (Retorno sobre Investimento).

Através dele, é possível ter uma noção ampla do retorno obtido e, com isso, ter base para melhorar a estratégia e otimizar os resultados nas próximas ações. Assim como descontinuar estratégias que não estejam sendo benéficas para o negócio.

estudo-papel-graficos
Uma das métricas mais poderosas do Marketing digital é o ROI (Retorno sobre investimentos)

Se você já ouviu falar dessa metodologia, mas nunca aplicada ao marketing digital, vamos lhe auxiliar. Neste artigo vamos listar algumas das caracterialistas do retorno sobre investimentos, para que você entenda como aplicá-las em suas estratégias. Venha comigo e confira quais são!

Onde aplicar o ROI no marketing digital?

Como já falamos o ROI, não é uma exclusividade do marketing digital. Na verdade é um dos calculos mais utilizados para se chegar ao retorno de diversos investimentos, em áreas administrativas e comerciais.

Foto de uma pessoa que trabalha em uma agência de marketing digital olhando um desenho de um gráfico desenhado em um caderno.
Embora não seja exclusividade do marketing digital, o ROI pode ser utilizado de diversas formas para mensurar suas estratégias.

No marketing digital no entanto ele pode ser aplicado em diversas sub-áreas, de forma conjunta ou individual para chegar a sua margem de retorno. Algumas delas, tais como:

  • Marketing de conteúdo;
  • Estratégias de e-mail marketing;
  • Retorno de anúncios de mídias sociais;
  • Search Engine Optimization (SEO);
  • Blogs corporativos e sites corporativos;

Essas são apenas algumas das categorias, mas você pode aplicar esse mesmo calculo, em outra área da sua empresa. Se está com dúvidas de como calcular, fique comigo que vamos lhe mostrar a seguir.

Como calcular o ROI?

Quando se cria uma ação ou um conjunto de ações de marketing digital, a empresa busca saber qual foi o retorno desse investimento. Essa taxa de retorno é exatamente o ROI, e pode ser calculada de forma simples pela seguinte equação:

Lucro líquido = lucro do investimento – custo do investimento / Custo do investimento

Simples não é mesmo? Sendo assim a soma das vendas geradas com a campanha é dividida pelo custo total dela. Alguns desses custos podem ser anúncios patrocinados em buscadores e redes sociais e o e-mail marketing, por exemplo.

Esse cálculo pode ser feito de maneira conjunta ou separada conforme as ações realizadas (Google AdWords, Facebook Ads, etc.). Onde você pode calcular o retorno específico de cada categoria, ou realizar um calculo único para saber o valor total.

Também é preciso colocar o custo da mão de obra e demais recursos utilizados (hospedagens de sites, ferramentas pagas de marketing digital, entre outros). Nunca esqueça de nenhuma despesa, afinal somente assim seu calculo será preciso.

Muitas empresas acabam neglicenciando custos baixos em seus processos, o que influencia o resultado final e compromete a sua margem de retorno.

ROI obtido x ROI planejado

Outra análise que precisa ser feita de forma cuidadosa é sobre a diferença do ROI obtido e do ROI planejado. O entendimento é simples, planejado é o que você deseja alcançar e obtido aquele valor que efetivamente alcançou.

Sendo que, caso o ROI obtido esteja acima do que foi planejado, a empresa encontrou uma forma sólida de realizar suas ações de marketing digital, o que pode ser repetido para atingir resultados similares.

No entanto, se os números obtidos estiverem abaixo do que foi planejado, fica claro que a estratégia não funcionou como deveria e é preciso parar para entender o que houve de errado e, com isso, encontrar as melhores soluções. Assim como substituir a mesma se for necessário.

Taxas de conversão e rejeição

Ilustração de um funil de vendas.
Métricas de conversão e rejeição são essenciais para o sucesso da sua estratégias de marketing digital.

Nessa busca por entender por que um ROI ficou acima ou abaixo do planejado, é importante usar outras métricas de marketing digital. As métricas são fundamentais para analisar os resultados de suas campanhas.

Duas delas são a taxa de conversão e a taxa de rejeição. Sendo que, uma alta taxa de conversão é o objetivo primordial de qualquer campanha. Logo, essa métrica está totalmente alinhada com um ROI positivo, o que torna essa informação valiosa para entender melhor o retorno obtido.

A taxa de rejeição, que representa o número de usuários que abandonaram a sua página sem fazer nenhuma interação, também ajuda a entender os motivos que estão levando a uma taxa de conversão baixa, e consequentemente, a um ROI negativo.

Definição de metas consistentes

Macbook em cima de uma mesa mostrando alguns gráficos na tela.
Defina claramente suas metas e objetivos para obter melhores resultados.

Para obter um ROI positivo, é fundamental ter metas consistentes. Com elas, é possível direcionar melhor a estratégia e, assim, utilizar as ferramentas mais adequadas para atingir os objetivos propostos.

Mais do que lucro, um ROI positivo representa o sucesso da empresa como marca. Isso leva a uma expansão de negócios e à consolidação dela no mercado. Além de garantir que seu planejamento está sendo realizado de acordo com o previsto.

Então, ficou mais claro como realizar o ROI nos seus investimentos? Lembre-se que agências especializadas em marketing digital possuem uma vasta expertise em métricas de retorno, e podem lhe auxiliar a gerenciar da melhor forma a sua estratégia de marketing digital.

Por meio dessas dicas, ficou clara a importância do ROI em marketing digital. Por isso, não deixe de trabalhar essas ideias para melhorar a sua estratégia e, dessa forma, obter um ROI cada vez melhor.

Que tal ajudar outras pessoas a terem acesso a este conteúdo tão bacana? É simples, basta compartilhar este artigo nas redes sociais!

Sandro Herek

  • Executivo e Empreendedor com quase 30 anos de experiencia em Soluções para Internet, Marketing Online e Offline.
  • Fundador da LinkWell em 1992
  • Fundador do primeiro guia de Buscas do Brasil – GuiaWEB em 1995
  • Fundador da Media Virtual, empresa dedicada a comercializar anuncios na internet em 1997
  • Fundador da primeira Franquia de Soluções para Internet em 2006.
  • Fundador da Virtualnet, empresa americana especializada em marketing em 2015
  • Co-Fundador da Doctorscopic, empresa americana especializada na indústria médica em 2016
  • Fundador da BPO LIST, empresa de gestão de Business Process Outsourcing em 2017